Idade do Ultrassom Por Raça

Sabe-se que a ultrassonografia vem sendo utilizada para a avaliação de carcaça bovina, entretanto sua aplicabilidade e eficiência depende de vários critérios adotados. Dentre estes critérios estão o treinamento técnico, coleta das imagens, interpretação das imagens, processamento dos dados.

 

Além destes, outros requisitos também são necessários para obter bons resultados. Trabalhos de pesquisas já apresentam parâmetros de avaliação específicos para cada raça, uma vez que elas possuem características fisiológicas e genéticas diferentes.


Apresentamos abaixo alguns dos principais critérios necessários para uma boa avaliação dos seus animais.

 

Idade adotadas para coleta de imagens (dias)

Raça

Machos (M)1

Fêmeas (F)1

Machos (M) confinados

Fêmeas (F) confinados

Nelore

490 – 610

490 – 610

330 – 400

330 – 400

Brahman

490 – 610

490 – 610

330 – 400

330 – 400

Guzerá

490 – 610

490 – 610

330 – 400

330 – 400

Tabapuã

490 – 610

490 – 610

330 – 400

330 – 400

Angus

-

-

320 – 340

320 – 360

Canadian Angus

-

-

320 – 440

320 – 460

Brangus

-

-

310 – 430

310 – 430

Charolais

-

-

320 – 430

320 – 430

Chianina

-

-

320 – 440

320 – 460

Gelbvieh

-

-

320 – 410

320 – 410

Hereford

-

-

330 – 430

330 – 430

Limousin

-

-

300 – 450

300 – 450

Red Angus

-

-

320 – 440

320 – 460

Salers

-

-

330 – 450

330 – 450

Simental

-

-

330 – 440

330 – 440

BIF Guidelines

-

-

320 - 410

320 - 410

 

1 – Estas idades padronizadas são para animais em regime de campo, que apresentam uma boa condição corporal, ou seja, um bom plano nutricional para que os animais possam apresentar seu potencial e variabilidade dentre as características avaliadas. Portanto, estes animais devem ser avaliados nesta faixa etária com peso mínimo de 300 kg.


* – Estão em andamento projetos de pesquisa para estabelecer parâmetros de avaliação para estas raças. Criadores com interesse nestes projetos de pesquisa devem entrar em contato com a associação da raça, a ANCP ou mesmo com a AVAL.


Gostaríamos de informar aos criadores interessados na avaliação da gordura intramuscular, ou seja, marmorização; que o grupo de animais devem apresentar na média um mínimo de 5 mm de gordura subcutânea. A deposição de gordura intramuscular ocorre após a deposição da gordura subcutânea, assim somente animais com 5 mm de gordura ou mais terão imagens de boa qualidade para a avaliação genética de marmorização.

 

Do ponto de vista da avaliação genética é importante que se avalie todo o grupo, e não somente os animais que apresentem acima de 5 mm de espessura de gordura. Portanto, recomenda-se que somente sejam coletados, interpretados e enviados os dados de marmorização do lote quando a média do lote apresentar condições próprias para a análise de marmorização.

Parceiros Aval

 

Aval Serviços Tecnológicos
Rua 270, Quadra 52, Lote 22, Casa 02, CEP 74533-190 Setor Coimbra - Goiânia/GO - Brasil

t. 62 3092 4559

 

Atendimento Skype

Desenvolvido por Webplus